Grupo de Orações online

Descansando em Deus para servir à Nação (Devocional Diária – 04-Set)

devocional04

 

“Descanse no Senhor e aguarde por ele com paciência; não se aborreça com o sucesso dos outros, nem com aqueles que maquinam o mal.” (Salmos 37.7)

Tenho amigos que não assistem aos noticiários e não leem jornal. Eles dizem que lhes faz mal e não é de admirar que faça. Recentemente assisti a uma palestra em que ouvi tantos dados ruins e fui apresentado a um panorama do futuro tão negativo, que me pesou o coração. Este nosso mundo não vai bem e nosso país tem contribuído com destaque para as vergonhas da história. No Salmo 121 o poeta bíblico escreve: “Levanto meus olhos para os montes e pergunto: de onde me vem o socorro?” E para o nosso país? De onde pode vir ajuda para um país nas condições em que o nosso está?

O salmista diz que seu socorro vem do Senhor. No verso de hoje ele nos diz para descansarmos no Senhor e aguardarmos por ele com paciência. É confiando em Deus que não seremos corrompidos por esse mar de corrupção e nem mergulharemos em amargura por causa dos maus que obtém sucesso. Não devemos enfrentar o mal com o mal, a corrupção sendo corruptos. Descansar no Senhor é a saída. Descansar no Senhor significa confiar que Ele cuidará de nós e acreditar em Seus métodos e propósitos. Enquanto descansarmos nele poderemos ser agentes de Sua vontade e assim nos tornarmos a resposta que o Brasil precisa.

De onde vem o socorro para o Brasil? Das próximas eleições, quando a população poderá exercer mais uma vez seu direito de escolha? E as opções, serão boas? O socorro do Brasil precisará vir de cidadãos éticos e comprometidos com o próximo. Que saibam viver em comunidade e respeitar o direito do outro. Que saibam cooperar para o bem comum. E entre esses cidadãos é preciso que estejam aqueles que se chamam povo de Deus, gente escolhida por Ele para manifestar Suas grandezas. O papel do cristão neste país não deve ser o de esperar receber bênçãos e tornar-se próspero, em meio a tanta miséria. Deve ser o de posicionar-se ao lado do que é digno, de descansar no Senhor, sabendo que é dele a última palavra.